Será que a pirataria foi o motivador da onda de ataques?

Será que o ataque foi uma  ação de harckers ou apenas uma “estratégia” para forçar a legalização e atualização da versão do sistema operacional?

Pelo menos foi o que me levou aos questionamentos destas possibilidade a matéria publicada por Reuters.

Fazendo uma “conta de padeiro”,  considerando 300 mil computadores com versão desatualizada, imaginando que 39% são pirata, ou seja, 117 mil equipamentos que estão sendo forçados para serem “legalizados”.  Considerando ainda que ter uma cópia oficial, requer o  desembolso de US$ 140,92 (ao invés dos US$ 300 do resgate, continuando vulnerável), esta ação irá proporcionar algo em torno de US$ 42,2 milhões, dos quais US$ 16,5 milhões de novas cópias oficiais. Somando-se a isso, a redução de custo “monstruosa” com a desativação de estrutura de suporte para as versões antigas que não rentabilizam mais e impedem “vendas” de novas “facilidades”. 

Versões mais modernas de Sistema Operacional, forçam novas versões de produtos, rentabilizando o parque antes obsoleto e abre o caminho para novos produtos e novos serviços!


Segue versão resumida do que foi publicado por Reuters.

Reuters – O serviço postal russo foi atingido pela Wannacry ransomware na semana passada e alguns de seus computadores ainda estão abaixo, disseram três funcionários em Moscou, o último sinal de fraquezas que fizeram do país uma grande vítima da campanha global de extorsão.

Outras instituições na Rússia disseram que foram infectadas pelo vírus, destacando a disponibilidade de Moscou para mostrar que também é uma vítima freqüente de cibercrime em face de alegações dos Estados Unidos e da Europa de hackers patrocinados pelo Estado.

O Ministério do Interior, o operador móvel MegaFon e o monopólio ferroviário estadual, todos os russos relataram infecções, com funcionários fechados de seus computadores e os criadores do vírus exigindo resgates de US$ 300 a US$ 600.

O banco central russo disse na sexta-feira que o vírus também comprometeu alguns bancos russos em casos isolados.

De 300.000 computadores infectados em todo o mundo, 20 por cento estavam na Rússia.

Globalmente, poucos resgates foram pagos depois que muitas vítimas descobriram que poderiam restaurar seus sistemas de backups.

Muitas empresas na Rússia usam sistemas desatualizados e anti-malware antigos“, disse Nikolay Grebennikov, vice-presidente de pesquisa e desenvolvimento da empresa de proteção de dados Acronis. “Em grandes empresas atualizações são difíceis de executar e evitado por causa do orçamento e escala.

O uso freqüente de software pirata na Rússia também ajudou a espalhar a infecção Wannacry, disseram os investigadores, como produtos não licenciados não recebem atualizações de segurança.

A Reuters não encontrou nenhuma evidência de que empresas russas infectadas com o vírus Wannacry usassem software sem licença. Mas a pirataria informática é uma questão de longa data para as empresas de tecnologia na Rússia, que se tornou cada vez mais aguda como a queda econômica do país e rendimentos em queda tornar os produtos licenciados proibitivamente caro.

Dados compilados pelo grupo de comércio da BSA Software Alliance mostram que 64% dos produtos de software na Rússia foram pirateados em 2015 – uma indústria de mercado negro no valor de US $ 1,3 bilhão – em comparação com uma média global de 39%.

A pirataria ainda está muito difundida na Rússia, especialmente se estamos falando de usuários domésticos”, disse Grebennikov. “Isto é por causa da pobreza. Se um sistema operacional custar 500 rublos, as pessoas iriam comprá-lo.”

Vejam a matéria completa:

👉 https://goo.gl/dc81MW

IDFM


veja também: http://ift.tt/2qYrw6j

Assine nosso canal no Telegram e tenha muito mais informações acesse http://ift.tt/1QyKCa7 Acompanhe tambem no facebook http://ift.tt/2oIvizy

Anúncios

Sobre avisara

Acredito que vocês gostarão de acompanhar o que divulgo no  Blog e  pagina do Facebook mantido por mim desde 2009. Nossas publicações são dos mais variados assuntos e tem como principais objetivos:     🎯 Compartilhar conhecimento como uma atividade natural e fisiológica.   🎯 Conectar quem tem conhecimento com quem necessita ter e transformar o produto desta conexão em inovação e diferencial. 🎯 Ser um agente de transformação, motivação e realização! Convido vcs a nos seguirem, vocês vão gostar! Para nos acompanhar ou ter acesso através de outros meios de acesso, basta selecionar as opções abaixo para acessa o Avis Ara  em seguida clicar seguir ou Curtir👍 👉 FB - facebook.com/BlogAvisAra/ 👉 Telegram - t.me/AvisAra 👉 Blogger - avisara.blogspot.com.br 👉 Wordpress - avisara.wordpress.com/ 👉 Pinterest - pin.it/tev5wem Divulguem junto à sua rede de relacionamento e compartilhe em suas redes sociais! Caso tenha interesse de uma degustação do conteúdo, seguem as 10 publicações mais populares em 2016.
 ✍️️ IPhone envia seu histórico de chamadas para Apple ✍️️ Ética e Segurança não são negociáveis. ✍️️ Desista do que não vale a pena. Insista no que compensa ✍️️ UBER te segue, além do seu destino. ✍️️ Usa WhatsApp, Telegram ou outros App de mensagem? Então você precisa saber disso! ✍️️ Internet via satélite - Uma necessidade real ✍️️ Sequestro de dados se espalha no Facebook Messenger ✍️️ A solução para o Brasil é a intolerância ✍️️ Guerra cibernética - Como vc pode ser usado! ✍️️ Efeito Trump - Alinhamento do Google
 Até breve! Igmar Dornelas Falcone de Melo
Link | Esse post foi publicado em Uncategorized e marcado . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s